DESTAQUES

O que é um bom modelo de comportamento?

Antonio Carlos Amador 19/05/2017 PSICOLOGIA
O que é um bom modelo de comportamento?
Fonte: imagem Pixabay
Os modelos são frequentemente os pais

por Antonio Carlos Amador

Em psicologia do desenvolvimento denomina-se modelação o processo no qual um ou mais indivíduos servem como exemplos (modelos) que uma criança imitará. Os modelos são frequentemente os pais, outros adultos ou outras crianças, mas também podem ser simbólicos, por exemplo, uma personagem de um livro ou da televisão. A imitação é uma forma básica de aprendizagem, que explica muitas habilidades, gestos, interesses, atitudes, comportamentos, costumes sociais e expressões verbais humanos.

O que é um bom modelo de comportamento?

Uma pessoa que serve de exemplo, na qual as demais se espelham, copiam o comportamento. Pode ser um exemplo de um conjunto de habilidades específicas envolvidas na prática esportiva ou na atividade artística, ou então de um conjunto de virtudes, entendidas como qualidades essenciais do ser humano, valorizadas pela cultura ao longo dos anos. Quando pensamos num modelo de comportamento podemos considerar que uma pessoa é um ótimo exemplo para as demais porque apresenta atributos como bondade, ética, generosidade, afeto, paciência, consideração, dedicação ou capacidade de trabalho.

Os adolescentes tendem a se identificar com pessoas famosas como atletas, artistas de cinema e de televisão, políticos e outros mais. Pessoas que se especializaram e se destacaram numa ou outra atividade, desenvolvendo habilidades específicas que são admiradas e desejadas pelos mais jovens. Parafraseando Freud: “aquele que possui os atributos que são desejados é que será amado”. O problema é que essas pessoas muitas vezes deixam a desejar como modelos de bom comportamento, porque a imagem pública não corresponde à pessoa real na sua integralidade.

E a questão que podemos nos colocar é a seguinte: Um bom modelo de comportamento tem, necessariamente que ser uma pessoa famosa? É evidente que não. Se perguntarmos a várias pessoas quais foram seus modelos de bom comportamento, provavelmente ouviremos referências aos pais, avós, familiares e professores. Pessoas comuns, que foram importantes na sua formação pessoal.

Não é necessário ser uma celebridade para manifestar-se como uma pessoa gentil, bondosa, ética, generosa, afetuosa, paciente, dedicada e trabalhadora. Qualquer um de nós pode ser um modelo de comportamento se resolver que isso é importante.




TAGS :

    modelo, comportamento, pais, celebridades, psicologia, professores

Antonio Carlos Amador

É psicólogo e psicoterapeuta de adolescentes e adultos. Professor no Departamento de Psicologia do Desenvolvimento da PUC-SP desde 1974, onde ministra disciplinas relacionadas ao desenvolvimento de adolescentes, ao desenvolvimento interpessoal, à psicologia comunitária e da saúde. Atua em consultório particular como psicoterapeuta e hipnoterapeuta, atendendo a adolescentes e adultos.



ENQUETE

Quem não tem cão caça com o “ex”, que está receptivo. Você concorda?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.