DESTAQUES

Ele encontrou com ela só para dar um fora. Será?

Anette Lewin 01/01/2016 COMPORTAMENTO

por Anette Lewin

"Há um mês descobri que uma mulher estava dando em cima do meu marido no trabalho. Ele até se encontrou com ela para dar um fora. Ele me disse que nunca teve nada com ela, que só a encontrou para isso. Essa situação prejudicou muito nosso casamento. Não sei o que fazer, pois não consigo acreditar nele e ele me implora perdão."

Resposta: Se você está desconfiada que a história não é bem assim, deve ter algum motivo para isso. Mas o que você já sabe de fato é que ele ele se encontrou com a moça uma vez. O resto são suposições.

E dificilmente você terá elementos para provar qualquer coisa sobre o que aconteceu de fato. Resta então saber o que você pode fazer para que sua relação com ele saia dessa fase angustiante e melhore... ou acabe de vez. Nesse sentido, a primeira reflexão que se faz necessária é até que ponto você está disposta a continuar com esse casamento.

Ele já se definiu e disse para você que quer continuar. E você? Está disposta a perdoar ou acha que não vale a pena?

Caso sua resolução seja batalhar por esse casamento, tente entender o que a levou a desconfiar e descobrir a relação de seu marido com essa moça.

Ele mudou seu comportamento com você?

O relacionamento estava correndo bem?

Ou estava faltando algo nessa relação?

Você costuma controlar o que seu marido faz no trabalho?

Acha que vale a pena fazer isso?

Tente responder a essas perguntas, fazer uma analise crítica do seu casamento e entender o que você pode fazer para renovar essa relação com propostas diferentes, palavras diferentes... Enfim, algo que possa mobilizar seu marido.

Parece que ele ainda gosta de você, caso contrário não imploraria seu perdão, não é? Nesse sentido, talvez essa aventura tenha sido circunstancial. Não "inocente", mas circunstancial. Talvez realmente não tenha muito a ver com a relação que ele tem com você.

Por outro lado, você deve entender que se ele tem uma tendência aventureira, nada garante que isso não se repetirá daqui a algum tempo. Quanto a isso você não tem muito a fazer a não ser... decidir se vai continuar querendo descobrir o que seu marido faz quando não está com você ou direcionar suas energias para melhorar a qualidade do que vocês vivenciam quando estão juntos.

Se depois de levar em conta todas essas questões você sentir que não consegue esquecer, perdoar ou aguentar a primeira traição, não vale a pena esperar pela segunda.

Para que um relacionamento valha a pena, além do amor, deve haver um mínimo de conforto e confiança. Ter a angústia e o desconforto como sentimentos dominantes numa relação certamente farão dela uma relação destrutiva.

 

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Esta resposta possui dois formatos: 1º formato: responder as perguntas enviadas pelos leitores. 2º) formato: de A a Z, explicar através de uma palavra em específico (verbete) o significado do que sentimos ao amar. Esta palavra será extraída de um e-mail enviado pelo leitor a esta coluna. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data. É coach em saúde mental.



ENQUETE

Você busca a tranquilidade ao acordar?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.