DESTAQUES

Pressão alta? Tome suco de beterraba!

Tamara Mazaracki 23/10/2018 SAÚDE E BEM-ESTAR
Pressão alta? Tome suco de beterraba!
Fonte: imagem Pixabay
Muitos estudos mostram a ação do óxido nítrico na redução significativa da pressão arterial

Por Tamara Mazaracki                                                     

A beterraba contém um arsenal de benefícios mediados por antocianinas (ação antioxidante), betaína (ação anti-inflamatória) e nitratos. O nitrato (NO3) é convertido pelo corpo em nitrito (NO2) e óxido nítrico (NO). Óxido nítrico é um gás altamente difusível e de curta duração, que atravessa as membranas celulares e tem uma grande variedade de funções fisiológicas. Ele relaxa e dilata os vasos sanguíneos, aumenta o fluxo de sangue nos músculos e contribui para a maior oxigenação de tecidos corporais.

Muitos estudos mostram a ação do óxido nítrico na redução significativa da pressão arterial. Óxido nítrico também atua positivamente na disfunção erétil, câncer, inflamação, e tem sido usado por atletas para melhorar o desempenho físico.

O suco de beterraba pode ser considerado um grande amigo do sistema cardiovascular. Os nitratos naturais são convertidos em nitritos através de bactérias na língua, e em óxido nítrico pelas bactérias do intestino.

Quanto mais alimentos ricos em nitrato são consumidos, mais óxido nítrico será liberado na corrente sanguínea. Quando se trata de conteúdo de nitrato a rúcula é, na verdade, a campeã, com mais nitratos do que qualquer outro vegetal (480 mg em 100 g).  O suco de beterraba fornece 280 mg/100 g. Outras boas opções são aipo, alface, espinafre e agrião, com uma média de 250 mg/100 g.

*Journal of Nutrition 2016. Nitrate-rich vegetables increase plasma nitrate and nitrite concentrations and lower blood pressure in healthy adults.

*PLoS One 2015. Nitrate reduction to nitrite, nitric oxide and ammonia by gut bacteria under physiological conditions.
 

 




TAGS :

    suco, beterraba, pressão, alta

Tamara Mazaracki

Médica especializada em Nutrologia. Membro da ABRAN – Associação Brasileira de Nutrologia. Pós-graduada em Terapia Ortomolecular, Nutrição Celular e Longevidade – FACIS-IBEHE Faculdade de Ciências da Saúde de São Paulo e Centro de Ensino Superior de Homeopatia. Membro Titular da Sociedade Médica Brasileira de Intradermoterapia. Consultora com atuação em Nutrologia e Medicina Ortomolecular. CRM 52 301716 www.tamaramazaracki.med.br



ENQUETE

Quem não tem cão caça com o “ex”, que está receptivo. Você concorda?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.